Diabetes Mellitus: como saber se está controlado?

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

Endocrinologista nos dá orientações de como saber o grau de controle de diabetes.

Brasil 61

Exame da curva glicêmica; insulina, monitor de glicemia – Foto: Reprodução

É importante saber que a diabetes que hoje está controlada, daqui a dois meses pode não estar mais. Isso porque a diabetes evolui com o tempo, e pode piorar mesmo com os mesmos hábitos que costumava ter, por isso é importante o acompanhamento contínuo com o médico.

Outro ponto importante é que a meta de controle do diabetes é diferente para cada pessoa, vai depender das características de cada paciente, como por exemplo, a idade de cada um.

Para avaliar se o diabetes está sob controle, existem três maneiras: a coleta do exame de sangue, pela glicemia capilar (gotinha de sangue da ponta do dedo) e através da monitorização contínua da glicose por meio de um senso subcutâneo.

No sangue é possível medir a glicemia de jejum que informa como está a glicemia apenas no momento da coleta, a hemoglobina glicada, uma proteína circulante do sangue que informa a média da glicose dos últimos três meses, e a frutosamina, que é outra proteína, mas que informa a média da glicose dos últimos 14 dias.

De maneira geral, sabemos que a diabetes está controlada quando a glicemia de jejum está abaixo de 130 e com a hemoglobina glicada abaixo de 7%. Já em relação a glicemia capilar, aquela medida pelo sangue da pontinha do dedo, é feita a medida da glicose na gota de sangue e a leitura é realizada por um aparelho chamado glicosímetro. Ela mostra a glicose do sangue naquele momento e pode ser realizada várias vezes ao dia.

E por último, a monitorização contínua de glicose através da leitura no subcutâneo, que é aquele aparelho redondo que costumamos ver no braço de algumas pessoas. Esse sensor é introduzido por baixo da pele e realiza a leitura das células de glicose daquela região e se conecta a um leitor, geralmente um aplicativo de celular, que ao passar na frente do sensor, é informado a glicose local a cada 5 minutos. Dessa forma, é possível ter a variação da glicose durante o dia todo.

Existem vários meios de medir a glicose, desde o exame de sangue até a monitorização contínua, mas somente o médico dirá se o controle está bom ou não.

Para mais informações, assista ao vídeo no canal Doutor Ajuda.

Veja também

Copa Ciganão volta em alto estilo

Três jogos fizeram a alegria do torcedor neste domingo (25) no Alto do Cigano. Blog do Eloilton Cajuhy Após o recesso do