‘Unum Corpus’: Polícia Civil realiza prisões e faz apreensões em Bonfim e cidades da região

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

Décima segunda fase da operação prende pessoas e apreende armas e drogas.

Blog do Eloilton Cajuhy

A Polícia Civil da Bahia realiza nesta quinta-feira (21) a 12ª fase da Operação Unum Corpus. A 19ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin) em Senhor do Bonfim realizou diligências para cumprimento de mandados de busca, apreensão e de prisões em Bonfim, Cansanção, Campo Formoso, Jaguarari e Itiúba.

Em cumprimento a mandado de prisão preventiva, expedido pela Vara Criminal de Senhor do Bonfim, uma mulher de 56 anos foi presa pela Polícia Civil na Lagoa do Peixe, interior de Bonfim, acusada de crimes previstos na Lei anti drogas. Ela foi localizada no interior de uma chácara na posse de 01 revólver .38 especial e 19 munições intactas do mesmo calibre, e acabou sendo presa e conduzida à Delegacia Territorial, sendo também autuada em flagrante delito. A mulher encaminhada ao Conjunto Penal de Juazeiro, onde ficará à disposição da Justiça.

Em mais um cumprimento de mandado de prisão preventiva, também expedido pela Vara Criminal de Senhor do Bonfim, os policiais civis prenderam um jovem de 19 anos, acusado de tentativa de homicídio contra uma menor de 17 anos, fato ocorrido em 22 de outubro do ano passado. A prisão ocorreu na Rua Ana Nery, no Alto da Maravilha. Segundo informações da 1ª Delegacia Territorial de Senhor do Bonfim, o homem estava no interior de sua residência na posse de 01 arma de fabricação artesanal. Ele foi conduzido e apresentado à autoridade policial, sendo também autuado em flagrante delito por posse ilegal de arma de fogo. O jovem também foi encaminhado ao Conjunto Penal de Juazeiro, onde ficará a disposição da Justiça.

Dando continuidade às investigações do homicídio de Roza Emília Costa, ocorrido no último dia 05 de março, a Polícia Civil de Senhor do Bonfim prendeu um homem suspeito de ter assassinado a vítima. Roza foi morta por disparos de arma de fogo e posteriormente sepultada numa cova rasa em matagal nas imediações do Bairro Buriá, aos fundos de uma residência. No dia 08, o primeiro suspeito da prática do crime foi identificado e conduzido à delegacia sendo ele autuado em flagrante. O suspeito preso nesta quinta responderá pelos crimes de homicídio, ocultação de cadáver e organização criminosa. Na época, o corpo da vítima foi encaminhado à necropsia pela Polícia Técnica.

Em Cansanção, a Polícia Civil prendeu um homem suspeito de tentativa de homicídio. No momento da prisão, o suspeito se encontrava em frente a sua residência, situada no povoado de Jatobá, zona rural do município e não esboçou reação, segundo informou a 19ª Coorpin; posteriormente ele foi apresentado na Delegacia de Polícia.

De acordo com investigações da polícia, o homem preso em Cansanção agrediu outro homem, identificado como Paulo da Silva Borges, a pauladas, fato ocorrido no dia 02 de fevereiro deste ano, após uma discussão entre ambos no interior do bar da vitima, situado no povoado de Jatobá. Após ter o mandado de prisão cumprido pela policia civil, o homem confessou a autoria do delito, segundo a Polícia Civil.

Mais um mandado de prisão foi cumprido pela Operação Unum Corpus, desta vez, no interior de Campo Formoso. De acordo com a Polícia Civil, o mandado foi expedido pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Juazeiro do Norte/CE, contra um homem acusado de tráfico de drogas. Ele foi flagrado pela polícia no interior de sua residência, no Povoado de Pacuí, com duas espingardas de fabricação caseira, e foi autuado em flagrante. Também foi encaminhado ao Poder Judiciário para realização da audiência de custódia.

Em Jaguarari um homem também foi preso por posse ilegal de arma. A equipe foi até a residência do investigado e, após buscas, encontrou uma arma de fogo, do tipo espingarda de fabricação artesanal, que foi apreendida e encaminhado juntamente com o acusado a unidade policial onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante.

Em mais uma ação da Unum Corpus, a Polícia Civil prendeu na Fazenda Cipó de Leite, em Itiúba, uma pessoa suspeita de homicídio. No imóvel do acusado foi apreendido um revólver calibre .38, por essa razão, foi instaurado inquérito pelo delito de posse ilegal de arma de fogo, sendo posteriormente encaminhado ao Poder Judiciário.

*Fotos: Divulgação/Polícia Civil da Bahia

Veja também

Invejar é fácil!

Blog do Eloilton Cajuhy Qualquer um pode jogar as próprias frustrações sobre uma pessoa que aparenta ter a vida ideal. É muito