A dor está na alma

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

Blog do Eloilton Cajuhy

Reprodução / Facebook

Apelo de uma mãe idosa:

Me leva para a rua filho. Eu ainda tenho pernas boas; andar sem destino contigo não me sentirei velha. Convide-me para sua casa, filho, domingo de manhã; para compartilhar sua boa mesa e se sentir em companhia.

Fale comigo com carinho, filho. Não me repreenda e não fique agitado. Os velhos são como as crianças… gostamos de ser mimados, de nos fazer sorrir sem discordar.

Comemore minhas ocorrências, não critique minhas loucuras. Vou tentar ser corajosa, mesmo se estiver triste. Não me afaste de você, não fale comigo com raiva. Eu ainda tenho minha mente limpa, as memórias do passado…

Venha me visitar em minha casa, filho. Não vou pedir nada; apenas a tua presença e contemplar o teu rosto… Não me deixe triste e sozinha, não me ponha na cama; os médicos estão errados…

A dor está na alma…

Veja também

Luto: Morre D. Iracema Peixinho

Blog do Eloilton Cajuhy Morreu nesta quarta-feira, 17 de abril, Dona Iracema Sampaio de Almeida Peixinho. Familiares informam que o velório vai