Ônibus da banda Os Clones são destruídos em incêndio em Feira de Santana

FONTE: Bahia Notícias

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on telegram

Dois ônibus foram incendiados na madrugada desta quinta-feira (14), em Feira de Santana. Os veículos, de propriedade da banda Os Clones e do cantor Paulo Roberto Romão de Macedo, estavam no Conjunto ACM por volta das 3h da madrugada, quando o incidente ocorreu.

De acordo com o portal Acorda Cidade, que conversou com Macedo, ele soube do incêndio através de seu pai, que o acordou às 5h da manhã com a notícia. “Quando meu pai chegou batendo a campainha, achei até que pudesse ser morte de algum parente. Ele falou: ‘Corre lá, que os ônibus estão pegando fogo’. Quando eu cheguei aqui só estavam os ferros. Estamos muito abalados, decepcionados, tristes com o ser humano. Como uma pessoa consegue fazer isso, destruir um sonho, um patrimônio? A gente levou tantos anos para conseguir e a gente que vem sofrendo na pandemia, quase um ano, sem fazer show, sem fazer nada e por isso que os ônibus estavam parados. Deixamos perto da nossa casa para que pudéssemos ficar de olho, colocando para funcionar, até porque a gente não tinha outro espaço e nem como pagar aluguel”, desabafou, acrescentando que o incêndio foi criminoso e que câmeras de segurança teriam captado as imagens de um homem ateando fogo nos veículos.

Zezé Júnior, como é mais conhecido, explicou que um dos ônibus era usado pela banda e outro para um projeto solo dele que não pôde avançar nos últimos meses por causa da pandemia. O músico disse que tinha ainda alguns instrumentos e outros materiais guardados nos veículos. Ele não soube estimar o prejuízo total, mas só os ônibus estão avaliados em cerca de R$ 300 mil.

Veja também

beautiful beauty blue bright

Conquistas

Acredite em si mesmoViva os momentos como se fossem únicosSaboreie os segundos como se fosse perdê-losDesfrute o sol que brilha inigualável… Busque