GENTE QUE FAZ HISTÓRIA: “Musa da Sofrência” faz 22 anos hoje

Chamada por muitos como a “Musa da Sofrência”, Marília Mendonça faz aniversário neste sábado. Marília Dias Mendonça nasceu em Cristianópolis, Goiás, no dia 22 de julho de 1995.

Foto: Divulgação

Segundo a enciclopédia virtual WIKIPÉDIA, Marília teve o seu primeiro contato com a música na igreja, tendo iniciado suas composições por volta dos doze anos de idade. A primeira composição da artista que se tem notícia é da canção “Minha Herança”, a qual foi gravada pela dupla sertaneja João Neto & Frederico em 2009.

Mesmo sendo menor de idade, Marília investiu na composição de outras canções do gênero, tendo neste período sido a autora de “É com Ela que Eu Estou”, de Cristiano Araújo”, e de “Cuida Bem Dela” e “Até Você Voltar”, de Henrique & Juliano, de acordo com a Wikipédia.

Sua entrada no mundo da música aconteceu no ano de 2015, aos 20 anos, com a participação em duas músicas da dupla Henrique & Juliano: “A Flor e o Beija-Flor” e “Impasse”. Ainda segundo a enciclopédia, logo em seguida, no mês de julho, Marília realizou a gravação do disco “Marília Mendonça: Ao Vivo”, feito em um cenário com decoração simples e com garrafas de bebidas alcoólicas, o qual foi lançado oficialmente em março de 2016.

Disponibilizado nos formatos de CD e DVD pela gravadora Som Livre, recebeu aclamação positiva do público, alcançando o topo das paradas brasileiras iTunes Album Chart e TOP 20 Semanal da Associação Brasileira dos Produtores de Discos (ABPD). Entre as canções de destaque do disco, estão o single “Infiel” e a canção “Eu sei de Cor”, a qual liderou a Brasil Hot 100 Airplay em 2016 por cinco semanas. “Infiel” tornou-se a quinta música mais executada nas rádios do Brasil naquele ano, além de atualmente ser a segunda canção brasileira com mais visualizações no YouTube, atrás apenas de “Ai, Se Eu Te Pego”, de Michel Teló.

Foto: Divulgação

Após alcançar sucesso na divulgação do material no YouTube, que lhe rendeu o apelido de “Musa da Sofrência”, Marília fez o seu primeiro grande show ao vivo em agosto do mesmo ano, na cidade paraense de Itaituba. Ao mesmo tempo em que iniciava a carreira em cima dos palcos, conforme a Wikipédia, Marília continuou compondo músicas para outros artistas, como Lucas Lucco, Joelma, Jorge & Mateus, Wesley Safadão, Maiara & Maraísa, Matheus & Kauan, Fred & Gustavo, Zé Neto & Cristiano, César Menotti & Fabiano e os já citados anteriormente Henrique & Juliano e João Neto & Frederico.

Devido à grande repercussão de seu nome na mídia, Marília foi indicada ao prêmio “Melhores do Ano”, do programa “Domingão do Faustão”, exibido pela Rede Globo.[14] Naquela ocasião, Anitta foi a vencedora do troféu, a qual comunicou que Marília também era merecedora por ter sido a principal revelação, encerrando com um dueto da canção “Infiel”.

Marília encerrou o ano de 2016 com uma participação no tradicional “Show da Virada”, da Rede Globo, exibido no dia 31 de dezembro, apresentação que considerou uma das mais importantes de sua carreira.

*BLOG DO ELOILTON CAJUHY